Terça, 31 Outubro 2017 12:53

Empresa de Vouzela vence o concurso nacional de turismo “Tourism Up”

Créditos da foto: Tourism Up Créditos da foto: Tourism Up

O projeto da empresa Nómadas Turismo de Aventura, sediada em Vouzela, foi o vencedor do Tourism Up, um programa de aceleração de âmbito nacional de apoio a projetos de empreendedorismo nas áreas do turismo, promovido pelo instituto Territórios Criativos e Turismo de Portugal.

A apresentação final decorreu em Góis, no passado sábado, dia 28 de outubro, e a concurso estiveram 10 projetos de valorização de produtos endógenos.

Eco Sky Park é o nome do projeto vencedor da Nómadas, depois de se ver obrigada a deixar cair o projeto inicialmente apresentado, Vouzela Capital Aventura, devido ao facto de quase todo o território do concelho ter sido consumido pelas chamas dos incêndios de 15 e 16 de outubro. Esta situação obrigou a empresa a reformular a sua proposta, desenvolvendo o Eco Sky Park que aproveita o cenário que “restou da floresta do Monte da Senhora do Castelo para criar um parque aventura em que todas as atividades são desenvolvidas no ar”, explica Octávio Teixeira, da Nómadas.

Segundo o responsável, o  equipamento tem três vertentes. Uma é um percurso de slides, com 800 metros de comprimento “em que a pessoa viaja a deslizar de árvore em árvore”. A segunda é um conjunto de passadiços suspensos em árvores, que permitem que qualquer pessoa, sem qualquer equipamento, inclusive crianças, possa viajar de árvore em árvore com toda a segurança. A terceira vertente é um percurso de pontes suspensas, este já com alguma exigência desportiva, mas vocacionada para pessoas com mobilidade reduzida, esclareceu Octávio Teixeira.

O valor do prémio recebido foi de 1.500 euros, “uma compensação apenas pela ideia, já que o orçamento total para a sua implementação é de cerca de 250 mil euros”. Face ao interesse manifestado pelas entidades que elegeram este projeto vencedor do Tourism Up, o responsável pela Nómadas espera que possa vir a ser comparticipado pelo Turismo de Portugal, através do programa Valorizar, permitindo torná-lo, assim, “numa realidade a curto prazo”.

“Este é um projeto inovador, com características distintivas no país, e creio que em articulação direta com o Parque de Campismo, com a Ecopista e com as Termas de S. Pedro do Sul vai, com toda a certeza, ser um sucesso garantido”, conclui o responsável.

voltar ao topo